Skip to content

Gatos estão estressados por tutores estarem em casa o dia todo durante a pandemia de Covid, dizem especialistas

Gatos de estimação estão estressados pelo fato dos seus tutores estarem em casa o tempo todo durante a pandemia de Covid, pois eles preferem passar a maior parte do seu tempo sozinhos durante o dia, diz a Cats Protection

Os gatos estão ficando estressados e bastante ansiosos porque seus tutores ficam em casa o dia todo. Isso está interrompendo a existência geralmente solitária dos felinos, dizem especialistas em animais.

À medida que muitos funcionários de escritório continuam trabalhando em casa no estilo Home Office, os animais de estimação estão cada vez mais sendo levados aos veterinários por causa de problemas de saúde mental.

A organização animal Cats Protection disse que muitos animais de estimação estão lutando para lidar com a convivência exagerada com seus tutores durante o dia.

Segundo palavras da porta-voz:

“Parece que alguns gatos podem ter ficado mais estressados em sua casa durante a pandemia. Mudanças na rotina de um gato sempre têm o potencial de causar estresse, pois são criaturas de hábitos bem específicos. Além disso, lugares ‘seguros’ ou ‘silenciosos’ para onde um gato costumava escapar quando se sentisse inseguro, ou apenas quando quisesse ficar sozinho, podem ter sido reaproveitados como um escritório para o home office, dessa forma o gato passa a não ter mais um lugar tranquilo só para ele.”

0 GettyImages 1294493890.jpg
Gatos não estão tendo nenhum tempo sozinhos, dizem especialistas ( Imagem: 
Getty Images)

Uma das maiores instituições de caridade sobre o bem-estar felino que fica no Reino Unido ressaltou que a pandemia acabou amplificando problemas já existentes.

A porta-voz continuou:

Um gato que está com medo ou ansioso perto de crianças em casa, geralmente tem apenas sete horas de descanso durante todo o dia.”

No entanto, quando as escolas foram fechadas, os gatos não conseguiram esse “disjuntor” que permitisse que seus níveis de estresse caíssem.

0 GettyImages 1223379625.jpg
Os tutores não estão voltando para os seus escritórios e estão ficando em casa o dia inteiro. Isso acaba por estressar os gatinhos que só queriam ficar mais tempo sozinhos. ( Imagem: 
Getty Images/iStockphoto)

Ela acrescentou:

“Se um gato é sensível e responde a muitos ruídos e atividade em geral, quanto mais pessoas houver em casa, mais isso intensificará o estresse para ele.”

Daniella Dos Santos, a vice-presidente sênior da Cats Protectiondisse ao Times :

“Mudanças no ambiente físico de um gato, como por exemplo, tutores que ficaram em casa por períodos mais longos durante o confinamento, podem ter um impacto em seus níveis de estresse e comportamento. Sinais de estresse em gatos podem incluir vocalização excessiva, queda de pelos constante, arranhões excessivos, urinação ou defecação inadequada, agressão ou o ato de ficar se escondendo.”

Uma mulher chamada Joanna disse no Twitter :

“Hoje o veterinário da minha gatinha me disse que, desde a pandemia de Covid, eles tiveram que tratar uma série de gatos com depressão causada pela irritação pelo fato dos seus tutores estarem em casa o dia todo. Obviamente não é muito engraçado, mas… essa é a coisa mais felina que eu já ouvi. Aparentemente os cães não têm o mesmo problema.”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest