Skip to content

Como fazer massagem no seu cão?

Como fazer massagem no seu cão
Conheça algumas técnicas para fazer massagem no seu cão de forma agradável e que ajude-o a viver melhor.

Assim como nós, cães podem ficar com músculos e articulações doloridas. Mas enquanto podemos nos comunicar facilmente quando sentimos dor e procurar soluções para coibir isso, nossos cães sofrem com pescoços duros e tendões estirados em silêncio.

Uma das melhores maneiras de lidar com a dor de um cão é simplesmente evitar que isso aconteça em primeiro lugar. De acordo com Shelah Barr, uma pequena praticante de massagem animal, treinadora fitness canina certificada e proprietária da Happy Hounds Massage & Fitness em São Francisco, CA, esse é um dos principais benefícios da massagem em cães.

Segundo a treinadora:

“O objetivo geral da massagem é relaxar os músculos e liberar as articulações para que haja menos ou ausência de dor, melhor amplitude de movimento e maior fluidez de movimento.”

A massagem regular também nos ajuda a sintonizar melhor as mudanças nos corpos de nossos animais de estimação, facilitando a identificação quando algo está um pouco errado.

“Como você não espera que seu cão já esteja mancando ou que esteja relutante em fazer algumas atividades, as massagens regulares cortam essas questões potenciais pela raiz.”

Como fazer massagem em cachorros?
Como fazer massagem em cachorros?

Quando e onde massagear seu cachorro?

Insira a massagem na rotina do seu cachorro e você verá os benefícios aparecerem, diz Barr. Trabalhe as massagens em momentos em que você e seu filhote normalmente relaxem juntos.

A massagem canina não requer nenhum equipamento especial, mas você quer ter certeza de que está fazendo algo que seja confortável e bom para ele. Outras maneiras de preparar seu cão para ter uma massagem bastante agradável incluem:

  • Comece a seção de massagem em uma área tranquila da casa com distrações mínimas
  • Escolha uma hora em que seu cão esteja com sono, como antes de dormir
  • Espere pelo menos 30 minutos após a última refeição do seu filhote
  • Dê ao seu cão uma pausa antes de começar
Como fazer massagem em cachorros?
Como fazer massagem em cachorros?

Técnicas de massagem canina

Enquanto a massagem tem por princípio ser relaxante, alguns cães podem ser resistentes a ela no início simplesmente porque não é normal para eles. Barr recomenda usar um toque leve e ir movendo lentamente no início, aderindo às “partes moles” que são mais propensas a ser tecido muscular. “Se você for mover o braço ou a perna, faça-o lentamente para que eles não se assustem”, aconselha. Não pressione em articulações ou ossos sensíveis, nunca dobre uma articulação em uma direção não natural, e pule as áreas onde seu cão prefere não ser manuseado.

Na massagem, suas mãos devem aplicar pressão suave à medida que você se move de uma extremidade do músculo para a outra entre as articulações. A técnica fornece uma “ótima maneira de dar ao seu cão uma massagem agradável sem ter que saber anatomia detalhada”, explica Barr.

Sempre massageie em direção ao coração, diz Barr, o que promove uma boa circulação do sangue e do sistema linfático. Se você estiver massageando a pata na altura do tornozelo, por exemplo, Barr recomenda colocar as mãos na parte inferior, em seguida, aplicar pressão firme e suave na parte de trás da perna à medida que você se move até a parte de trás do joelho.

Esfregue o comprimento do músculo, atingindo seu núcleo usando pressão leve e constante. “Use pressão leve para amassar suavemente o músculo, a parte mais grossa [que é] geralmente no meio do membro”, diz Barr. Mantenha os dedos em movimento gastando cerca de 15 segundos em qualquer músculo.”

Se o seu cão parece incerto ou confuso com suas primeiras tentativas de massagem, permita-lhes o espaço que precisam para se sentirem confortáveis. Tudo bem se eles se levantarem e andarem por aí durante a sessão, diz Barr. Se eles estão ansiosos e forem embora, tudo bem, também. Parte dessa experiência consiste em dar ao seu cão a oportunidade de se comunicar quando eles estão desconfortáveis ou se sintam estranhos. Se eles quiserem ir, deixe e tente novamente em outro momento, mas não desista completamente, aconselha Barr.

“Quando eles estiverem se sentindo bem, provavelmente vão pedir por mais massagens!”

Como fazer massagem em cachorros?
Como fazer massagem em cachorros?

Como fazer massagem no seu cão? 

Comece com apenas alguns minutos de massagem de cada vez e trabalhe até sessões mais longas de 10 minutos ou mais.

Para evitar ferir acidentalmente seu cão nunca aplique muita pressão ou tente chegar ao tecido profundo. A massagem de tecido profundo deve ser deixada para profissionais que tenham profundo conhecimento da anatomia do animal.

  1. Comece acalmando seu cão com alguns cainhos suaves. Faça carinhos longos e lentos nas costas, barriga e outras partes do corpo onde eles gostam de ser tocados.
  2. Comece na parte de trás do pescoço do seu cão, aplicando pressão suave em um movimento circular com as pontas dos dedos.
  3. Trabalhe os dedos para baixo e aplique pressão suave em um movimento circular entre as omoplatas do seu cão.
  4. Mova-se para as pernas dianteiras. Comece com as mãos no tornozelo e mova-as lentamente para a parte de trás do joelho. Alguns cães não gostam que suas pernas sejam tocadas, então não deixe de ficar atento a sinais de desconforto.
  5. Acaricie as costas do seu cão, pressionando suavemente com os dedos enquanto você vai da cabeça para a base da cauda em um lado da coluna, em seguida, da cauda para a cabeça do outro lado da coluna. Não coloque pressão no osso.
  6. Mova-se para as pernas traseiras. Aplique pressão suave com as mãos no tornozelo e, em seguida, mova-as lentamente para a parte de trás do joelho, em seguida, até a coxa. Se o seu cão estiver duro, você também pode tentar esticar suavemente suas pernas traseiras.
  7. Termine com uma massagem na orelha. Coloque o polegar na base do lado interno da orelha do seu cão e o dedo indicador no lado externo, em seguida, use pressão suave para deslizá-los para fora em direção à ponta da orelha.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest

Curso de Auxiliar Veterinário

totalmente online

O Brasil é o segundo principal mercado pet do planeta. Um mercado bilionário que precisa cada vez mais de profissionais.

Como Auxiliar Veterinário você pode trabalhar em Lojas Pets, Banho e Tosa e muito mais e o salário pode chegar à: R$ 2.241,98!

Duração do curso: Até 60h

  • Certificado incluso
  • Curso completo em vídeo aulas

Faça o curso do seu computador, celular ou tablet, direto de sua casa!